Ovnis com deslocações aleatórios PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Avaliação: / 13
FracoBom 
artigos da APO - Apariçoes
Escrito por Luís Aparício   
Quarta, 18 Junho 2014 06:35

O meu Nome é Patrícia Tavares e sou residente na Cova da Beira no dia 2 junho 2014 observei algo de bastante estranho no céu. Uma luz muito intensa que encandeava, que me despertou a atenção. Era algo que em nada tinha a ver com uma estrela... pois costumo observar as estrelas de noite. Este fenómeno não era nem de perto parecido com uma estrela.

Fui verificar com os binóculos e observei que se tratava de algo fora do comum. Imanava bastante luz, uma energia que nem consigo explicar. Fui então buscar a minha máquina e fiquei surpresa com o que consegui captar. Tenho várias fotos interessantes sobre o ponto de luz que ao ser fotografado adquiriu várias formas.

Posso dizer que o observei em cerca de uma hora e fotografei e por estranho que pareça por vezes, a minha máquina parecia emitir uma interferência que achei bastante estranha que me provocou uma enorme dor de cabeça de imediato, que persistiu por 2 dias. As fotos são incríveis. Parecem desenhos no céu.

Gostaria de partilhar com vocês. Todo o fenómeno deu-se entre as 4:30h e as 5:25h. Sei que o que tenho comigo é algo inexplicável.

As fotos que envio foram tiradas com uma maquina fotográfica Samsung S1060, numa pequena vila na cova da beira, de seu nome Alpedrinha.

A máquina captou o clarão no céu de diversas formas.

Espero que tenha captado algo de algum interesse dado que o acontecimento pareceu-me bastante estranho.

Cumprimentos,                          

Patrícia Tavares

Comentário;
Esta não é a primeira vez que vemos este tipo de fotos. De imediato poder-se-ia pensar que as fotos poderiam ser resultantes da máquina fotográfica ter tremido. Mas não foi este o caso Margarida uma médica que em 21 junho 2009, fez dezenas de fotos, juntamos apenas três em gif para que se possa compreender este fenómeno que aparece por várias partes da Terra.

Igualmente no livro «MIZ TLI TLAN – Um Mundo que Desperta» do Trigueirinho tem na capa este tipo de luzes, fotografado no Brasil.

Poderá haver explicação para este fenómeno que não temos dúvida são naves e já têm grande dimensão atendendo à magnitude da sua assinatura luminosa e à distância a que estavam. Mas como se deslocam de forma aleatória quantos G estarão sujeitas? Será que são naves muito grandes e aquilo que se vê são imagens nas suas paredes exteriores? 

Luís Aparício

atualizado em Quarta, 18 Junho 2014 06:41
 
VALID CSS
  |   VALID XHTML