Autenticação

Faça o Login com os dados usados no forum.



(para ficar registado no portal, terá de se registar no forum da APO)

Desenhos da Carla

Procurar neste site - também no Google - coloque apovni + palavra a procurar

Enxame de pirilampos em S. Mamede Infesta PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Avaliação: / 30
FracoBom 
artigos da APO - Casos Portugueses
Escrito por Luís Aparício   
Domingo, 05 Outubro 2014 01:12

Ana Silva, vive em  S. Mamede de Infesta , tem 44 anos e é assistente de direção. No dia 5 de outubro de 2014, pelas 00,50 horas viu conjuntamente com os seus filhos José Ferreira de 16 anos  e João Ferreira de 14 anos, nos céus desta cidade, junto à A4, uma luz enorme seguida duma autêntica procissão centenas de luzes com menor magnitude visual que a estrela guia.

A Ana Silva, teve a nítida sensação que a estrela guia seria uma nave mãe com o tamanho de metade da magnitude da Lua, sendo precedida por um conjunto de outras naves menores, com uma dimensão de metade da luz da frente.. Todo o conjunto terá demorado mais de 3 minutos a passar.

Aquele grande aglomerado de naves, ia a uma altitude das nuvens mais baixas. As luzes mais pequenas piscavam duma forma intermitente de segundo a segundo. A velocidade a que seguiam era superior à dos aviões que vão aterra no aeroporto Francisco Sá Carneiro e iam de nordeste para sul.

Por vezes dava a sensação ao José Ferreira que aquele conjunto de luzes aproximava-se mais do seu prédio.

As estrelas menores vinham espaçadas e pareciam que todas se deslocavam em formação e conforme se iam deslocando faziam um autentico ondulado e faziam diagonais. Aquela formação parecia um pentagono.

Há mais noticias no facebook que foi visto à mesma hora na zona da Maia. A Ana Silva descarta a hipotese de ser balões leds.
A Ana Silva diz que ficou assustada e classifica aquele acontecimento como um cenário saido de filme de fição cientifica.

 Mais pessoas viram o acontecimento

 Ângelo Bastos tem 24 anos e é estudante de informática e vive em S. Mamede de Infesta, também às 00,50 horas do dia 5 de outubro quando ia Via Norte, teve que abrandar e viu cerca de 5 carros parados na berma a verem muitas luzes no céu que teriam o triplo da magnitude das estrelas e viajavam a cerca de mil metros de altitude. 

Carcavelos na rota das migração de luzes

Carlos Regadas Ferreira, tem 71 anos e vive em Avª Nª Sra dos Remédios, em Carcavelos, no sábado dia 4 de outubro 2014, pelas 01,20 horas viu passar algo enigmático, pareceu-lhe a ele que seria uma grande migração de aves. 

Viu passar duas vagas oblongas de luzes que poderiam ter centenas luzes azuis.
Na sua opinião aquelas luzes viajavam muito rápido, maior do que os aviões e em grande altitude. 

Balões ou naves

Perante a honestidade das testemunhas, que à APO tem vindo contar as suas experiências, também notamos que muitas das vezes é referido que essas luzes se deslocam a velocidades muito elevadas, portanto não serão decerto objetos feitos pelo homem.

 

Luís Aparício

 

atualizado em Quinta, 28 Maio 2015 06:12
 
VALID CSS
  |   VALID XHTML