Fila indiana de ovnis em Alviobeira e Tarouca PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Avaliação: / 5
FracoBom 
artigos da APO - Casos Portugueses
Escrito por Luís Aparício   
Sexta, 17 Janeiro 2020 03:38

No dia 16 janeiro 2020 recebemos dois relatos de  avistamentos de comboios de luzes, das 18,30 até às 21,30 horas. O que serão aquelas longas filas indianas de luzes?
Jorge Farinha
, licenciou-se em hotelaria na Suíça e vive na Alviobeira perto de Tomar no centro de Portugal, e no dia 16 de janeiro de 2020, entre as 18,30 e as 19,30 horas viu passar milhares de ovnis em altitude. Disse-nos que duma só vez contou 200 pontos de luz que se deslocavam em fila indiana a muita alta altitude.

Essas luzes muitas das vezes vinham em grupos de seis e tinham a mesma coloração das estrelas.
Deslocavam-se da direção de Leiria para Ferreira do Zezere.
Por vezes o céu ficava encoberto mas logo que as nuvens desapareciam esta testemunha conjuntamente com a sua esposa e o filho voltavam a ver a fila indiana.
Cada luz tinha a mesma magnitude das estrelas, portanto teriam de ter uma dimensão apreciável, visto deslocar-se aqui perto da Terra.

Na opinião do Sr. Jorge Farinha que nunca tinha visto nada assim, e se mostrava bastante impressionado com aquela forma inteligente de deslocação, era uma invasão de ovnis, visto ter passado milhares em alta altitude.
Jorge Farinha


Outro relato;

No dia 16 de janeiro de 2020, mais / menos pelas 21,30 eu estava a passear o meu cão olhei para o céu, como sempre o faço ( tenho uma enorme atração pelo espaço), e de repente vindo do monte de Sta Helena em Tarouca.
Vi um comboio de luzes em fila indiana, primeiro pensei tratar-se de um avião, mas não podia ser porque era demasiado comprido, estrelas também não andam assim, e as luzes desse comboio  pareciam estrelas  mas sempre fixas sem piscar.   

O céu estava superestrelado, e esse "comboio de luzes" destacava-se porque parecia um comboio a querer chegar ao seu destino.

Contei umas 30 e muitas luzinhas que distavam uns 35 cms umas das outras, porque elas iam certinhas e moderadas a andar, chamei a minha irmã porque nem queria testemunhar aquele episodio fabuloso sozinha.

O comboio deslocava-se de Oeste para Leste.

O tamanho das luzes seriam do tamanho da unha do dedo minimo,  cor  amarela fixa , não intermitente, 

A altitude a que se deslocavam não sei especificar olhando o céu. Para mim estariam talvez a uma altitude normal de um aviao, até porque pensei que seria um avião, mas depois vi que não poderia ser um avião porque eram muitas luzes em fila indiana e seguiam moderadamente no espaço aéreo,

Foi como se olhasse o céu e um comboio tivesse saído dos carris e "fantásticamente  tivesse voado pelos céus".

Subi à casa que é bastante alta ainda vi o comboio de luzes a andar, mas de repente desapareceram.

Fiquei maravilhada e intrigada, seriam ovnis? andei o dia todo a pensar no caso. resolvi enviar o meu testemunho.

Local do avistamento: Mondim da Beira, Tarouca dista a 12kms da cidade de Lamego.

Atentamente     Maria Osnofa

atualizado em Quarta, 22 Janeiro 2020 03:44
 
VALID CSS
  |   VALID XHTML