Anomalisa Lunares Versão para impressão
Avaliação: / 2
FracoBom 
artigos da APO - Misterios Planetários
Sábado, 01 Janeiro 2005 15:18
A Lua, companheira natural da Terra na sua jornada em volta do Sol, deteve sempre um enorme fascínio na mente humana. Desde que o Homem olhou para o céu, para as estrelas brilhantes, tentando descobrir nelas a natureza e o próprio destino do homem, que a Lua teve um papel essencial na mitologia das primeiras culturas humanas.
Tomada como deusa, como companheira do Sol na dualidade masculina-feminina do universo, desde cedo as grandes civilizações humanas lhe ergueram templos e mitos persistindo sempre uma áurea de mistério sobre ela. De facto com o avanço da ciência e o domínio do saber cientifico e devido sobretudo ás expedições lunares, muitos mistérios foram explicados. Mas nem por isso a Lua deixou de ser misteriosa. Pelo contrário, muitos outros mistérios nasceram e alguns ainda por explicar. Como foi formada? Existe água na Lua? E sobretudo será ela um corpo celeste totalmente desprovido de vida?


A ciência ortodoxa é irredutível, a lua é desprovida de vida indígena. Correcto. Mas não existirá a possibilidade, de tal como nós em 1969, que outras raças mais antigas e inteligentes lá tenham chegado? Lá tenham estabelecido bases? Sempre me fascinou este assunto, do qual tenho a convicção de estar longe de ser resolvido, mas é com um pequeno contributo que pretendo relançar novamente a polémica. Ao lado "links"de páginas, com breves resumos de alguns dos mistérios que ainda subsistem sobre a Lua.
Nuno A. Montez da Silveira