80 ovnis aterram na Argentina

Os desenhos parecem muitos primitivos e poder-se-ão associar a outros desenhos que foram aparecer em países diferentes da Inglaterra.
O expoente máximo em mestria em desenhos no trigo está-se a dar há vários anos.
Temos verificado que fora do Reino Unido os desenhos são cada vez mais perfeitos e foi o que aconteceu aqui na Argentina. Algo está a treinar, os desenhos apresentam uma mensagem pouco clara e anarquica. Esperemos pois, que a fase seguinte a produção qualitativa, este ano e para os próximos anos seja muito melhor.

Um certo número de estranhas marcas geométricas circulares e rectangulares, com mais de um metro de profundidade supostamente deixadas por objectos voadores não identificado (OVNIs) que teriam desembarcado em três campos de trigo Chicoana-Tilia no Gorge, a sul da cidade em Pulares a oeste e de um lado do parque de campismo Las Mesitas, a cerca de 35 km a sul da capital Buenos Aires.

Estes campos de trigo distanciam 8 e 10 Km uns dos outros.

As pegadas, que parecem ter sido deixadas pelo “patas” de enormes estruturas, foram descobertas de madrugada na quinta-feira passada dia 23 de Outubro 2008.

Na opinião de centenas de testemunhas foi “espantoso”, porque por cima destes campos foram vistas “estranhas luzes que “dançavam” sobre os campos, mas “quando eles pararam os seus movimentos, quase erráticos, mantiveram-se a baixa altitude durante um período considerável de tempo.

Após a paragem elevaram-se e desapareceram no horizonte, disse um habitante Raul Martinez intrigado e atónito, que vive no bairro de San Cayetano Chicoanisto, a dois quilómetros do Parque de Campismo Las Mesitas, um dos trigais que ficaram com as aquelas peculiares marcas.


As primeiras luzes que eu avistei com o meu filho foi às três da madrugada e começamos a filma-las, mas curioso os nossos telemóveis deixaram de filmar porque ficaram sem bateria.

Era uma sucessão louca de cores, depois ficaram quietas e pareceram formar de seguida uma enorme estrutura.

O fenómeno observei-o durante cinco minutos, disse Martinez. Depois os objectos que estavam poisados no campo onde estavam as marcas subiram a uma velocidade assombrosa e de imediato os telemóveis começaram a funcionar.

Por sua parte os alunos da escola rural 588 ”Maria Valivieso” de Villa Fanny na Quebrada de Tilian a sete quilómetros de Chicoana também foram testemunhas daquele fenómeno ocorrido a uma distância considerável na parte norte daquela localidade com características idênticas.

Quisemos chamar a polícia para lhes dizer o que estava passando mas os telemóveis não funcionavam disse um dos alunos da referida escola que foi testemunha que desfrutou do referido espectáculo celeste. Segundo os alunos aquela cena durou cinco minutos e os estudantes não conseguiram tirar nenhuma foto porque as câmeras não funcionavam, disse um estudante que no outro dia descobriu as marcas geométricas nos campos de trigo.

Em Pulares a seis quilómetros a oeste de Chicoana a população afirmam que também viram um estranho espectáculo aéreo de luzes que se desenrolou no mesmo espaço de tempo e à mesma hora e que deixou marcas idênticas no solo.

As marcas no solo de origem inexplicável com mais de um metro de profundidade deixaram algo de curioso entre as zonas afectadas.
Nos três campos de trigo onde se produziram as marcas aparecem triângulos isósceles quase perfeitos.

No centro dos três campos de trigo encontrava-se os tristemente montes onde ocorreram acidentes aéreos fatais todos produzidos por inesperadas falhas dos sistemas de comandos dos aviões.

A escola rural que tem 100 alunos, nessa noite estavam presentes 80 alunos e todos asseguram ter visto aquele espectáculo de luzes. As pessoas que vivem perto da escola dizem que os animais se escondiam apesar de não se ter produzido nenhum som. No final muita gente foi até à zona afectada tirar fotos das marcas no solo.

Muitos turistas abandonaram os seus veículos para tirar fotos do local na quinta-feira, sexta, sábado e domingo para fazer fotos do local onde estavam as marcas no solo do trigal situado perto da entrada ao povoado.

Frederico Arnaldo Gutierrez, técnico do canal de televisão do “Nortevision Satelital” foi um daqueles que percorreu todo o local e disse que tudo era muito estranho «era como se uma poderosa força calca-se o terreno, o trigo estava dobrado mas não cortado, não havia sinais de queimaduras em nenhum sítio, somente marcas geométricas».

Graciela uma professora de biologia a viver na localidade comentou que aquela região é rica em avistamentos de ovnis.
Recorda igualmente que nos últimos 15 anos ocorreram três acidentes aéreos e nos quais todos tiveram o mesmo problema os seus instrumentos deixaram de funcionar, o mesmo aconteceu na passada semana, quiseram fotografar, mas as máquinas fotográficas não funcionavam.

As autoridades policiais de Chicoana não quiseram dar a sua opinião sobre este assunto, um elemento da policia que quis manter o anonimato disse «vou dar somente a minha opinião pessoal, realmente recebemos muitas telefonemas mas ninguém denunciou por escrito o que se passou sobre o espectáculo das luzes». Continuou a dizer «para mim essas marcas são feitas por vento e por chuva».

Consultados os serviços meteorológicos, os mesmos informaram que não houve nenhuma precipitação ou ventos durante os dias antecedentes a estes acontecimentos.

Se houvessem ventos e queda de chuva, porque somente em três campos de trigo estariam as marcas?

O director da escola José Silva cujos alunos foram testemunhas dos fenómenos disse que está há dez anos aqui e jamais viu marcas deste tipo. Descartou que tenham sido produzidos pela natureza ou que alguma pessoa a tenha feito. È raro muito raro.

Os alunos do albergue também disseram ao jornalista do El Tribuno que quando quiseram tirar fotos os telemóveis não funcionavam, como se tivessem ficado sem pilhas. Um aluno de nome Pedro disse que eu nunca vi nada assim e as pessoas dizem lá na localidade que as marcas foram feitas pelas luzes.
O director do centro educativo Jaime Barrera, coloca uma questão «as luzes não têm peso».

http://www.masnoticias.net/idb.pl?id=10352&relax=Ovnis&mensub=Entretenimiento&pub=Ovnis
http://eltribuno.info/verContenido.php?id=40315&sT=2