Avistamento em Belém

Subimos ao terraço e todos vimos, durante largos minutos, duas luzes tipo laser, verdes, fixas, que saíam do solo para o espaço, mas não tinha alteração de brilho nem de posição. As dimensões do fenómeno são impossíveis de determinar. Para o meu olho teria 3 cm, ao longe aparentemente uns 10 a 15 metros.

Formavam um cone, que viria a assemelhar-se, depois do avistamento, ao que seria uma pista de aterragem de OVNIS, numa imagem tosca que consigo aproximar ao sucedido.
Comigo estavam o meu tio e os meus pais. E nenhum de nós sabia o que viria a acontecer. Apenas víamos as luzes apontadas ao céu, bem delineadas e, como disse, fixas.

Imagem elucidativa do local do avistamento

Estava com os meus pais e tio, a observar aquilo durante vários minutos. Num momento em que eles falavam uns com os outros, sem olhar para as luzes verdes, das quais eu nunca tirei os olhos, por pensar que seriam algo próximo ao avistamento de um fenómeno estranho, deu-se o avistamento do objecto.

Durou apenas uma fracção de cinco segundos: Vi uma luz sair do solo, a velocidade impressionante, pelo centro dos tais raios verdes. A luz era muito forte e não tinha variações. Branca, foi-se tornando alaranjada até ficar vermelha e por fim desapareceu, como se tivesse mudado de dimensão.
Só sei que subiu muito depressa ao ar, até desaparecer. Logo de seguida desapareceram os raios verdes, fixos.

Não consegui determinar de onde vinham as luzes, mas eram a norte de Belém. Deveriam estar a cerca de 5, 6 quilómetros (mas não era Monsanto), no máximo talvez 10 qulómetros. O que era? Ainda hoje nao sei. Só sei que isto que relato é verdade. E nunca mo explicaram. Nunca encontrei relatos de nada parecido com isto e nnguém que eu conheça viu o mesmo.

*O autor deste relato de avistamento preferiu manter o seu anonimato.