Casos Portugueses

Régua de luzes no Porto

Fernando Almeida, tenho 58 anos e vive Foz do Douro na Porto. no dia 11 novembro 2019 viu um comboio de luzes em altitude elevada, pareceu-lhe que estava todo iluminado com janelas. Tirou fotos e verificou no exif da foto que eram 18,25 horas e 14 segundos.

Comboio de luzes em Beja

Daniel Deodato tem 39 anos e é vendedor de automóveis e no dia 11 novembro 2019 às 18,25 horas viu um comboio de luzes no céu, talvez com 12 luzes a uma velocidade rápida talvez durante 30 segundos. Para esta testemunha as luzes iam inclinadas, a luz da frente ia mais alta e a ultima luz vinha mais baixa. 

Comboio de luzes na Comporta

João Granja tem 46 anos e é técnico de manutenção. No dia 11 novembro de 2019 pelas 18,30 horas, estava com vários colegas de trabalho na Comporta junto a uma papelaria. Eram 6 pessoas e viram pasar no céu um comboi de luzes. Deveria ter 8 luzes, mas havia alguma separação entre as luzes.

Charuto cheio de Luzes em Évora

Hugo Lobo estava em Évora à entrada no Complexo Desportivo de Évora e viu vir de Noroeste para Sudeste um comboio gigante de luzes, não tinha asas e ia a uma velocidade muito lenta, era arredondado nas pontas e não piscava.

Ovni tubular em Outil – Cantanhede

Pedro Lucas tem 45 anos e é economista e vive em Outil – Cantanhede. No dia 11 novembro 2019, às 18,25 horas ia de carro com a sua esposa e os dois filhos e viram passar no céu muito lentamente durante 4 minutos um tubo de luz enorme, tão grande que tinha uma aparência visual do local onde estava, de 1,5 metros de comprimento. Foi fabuloso.

Bando de ovnis em Manique

Nuno Mendes , vive em Manique, concelho de Cascais, no dia 18 de Agosto de 2019 – domingo, pelas 21H30, encontrava-me no seu quintal precisamente a apreciar o anoitecer e o aparecimento das estrelas no céu, quando verifica que a norte, apareceram cerca de 7 a 9 pontos de luz em movimento para sul. Estes pontos de luz eram idênticos às estrelas azuis com uma luminosidade mais fraca.

Formações geométricas de Luzes nos céus dos Açores

António Prata é professor de artes visuais do ensino secundário e quando esteve a cumprir o serviço militar na Marinha Portuguesa entre 1986 – 1987 esteve destacado na Corveta NRP João Coutinho e foi para os Açores. Varias vezes teve que atravessar o canal entre as ilha S. Miguel, Ilha S. Jorge Açores, Graciosa. Nesses anos tornou-se regular, todas as noites, dentro da Corveta João Coutinho NRP F475, algum membro da guarnição, pelo altifalante geral de bordo alertar todos os outros membros, «lá estão as luzes, venham lá fora», então quase toda a guarnição saía do seu posto de serviço e ia ver aquelas luzes que apareciam no céu.

Luzes que se unem em Ponte de Lima

Ana Martins tem 38 anos, e é investigadora em sociologia, o seu pai tem 66 anos e é reformado e tem como complemento laboral fazer artigos em cimento, no dia 28 julho 2019 domingo, por volta das 23h30, avistaram um fenómeno luminoso no céu. Estavam no carro a conduzir na freguesia da Ribeira, em Ponte de Lima, mais concretamente na reta da estrada nacional do lugar de Talharezes, em direção a Ponte de Barca, reparam numas luzes que se moviam rapidamente no céu.

Luzes estranhas no Porto

Vivo no centro do Porto em um apartamento de cobertura. E no ultimo mês de dezembro por volta das 7h da manhã, percebi uma luz intensa a brilhar do lado de fora, quando olhei para fora havia um objeto parado no céu a piscar, não se via muito o que era. Apenas que era algo parado e com uma luz forte a brilhar próximo a minha janela e ficou a brilhar por um bom tempo e em questão de segundos desapareceu.