Detectada atmosfera nos Aneis de Saturno

os pesquisadores já avançam rumo a um entendimento inédito de sua estrutura. A última descoberta é a de que os anéis têm uma atmosfera própria.

O anúncio foi feito pelo cientista britânico Andrew Coates, durante o Festival Britânico do Espaço, em Birmingham, Reino Unido, segundo informou a rede BBC. Coates trabalha com um dos instrumentos da sonda Cassini, da Nasa (agência espacial americana), que está em órbita ao redor de Saturno há um ano e fez a descoberta.

De acordo com o pesquisador, a atmosfera dos anéis seria muito tênue, composta por oxigênio molecular (O2). A explicação, segundo ele, é a de que partículas de gelo dos anéis são convertidas em gás e o hidrogênio acaba se separando e escapando para o espaço interplanetário. O que sobra é o oxigênio.

Seria um processo semelhante ao que aconteceria nas luas geladas de Júpiter (Europa, Ganimedes e Calisto) para gerar tênues atmosferas. A única lua do Sistema Solar a ter uma atmosfera densa é Titã, de Saturno.

Fonte: Folha de S.Paulo