Esfera prateada em Grandôla

Essa esfera teria no céu um metro de diâmetro visual, ora no local essa esfera deveria ter um diâmtro de várias dezenas de metros.

A sua deslocação era rápida e processou-se de oeste para este. Os nossos colegas do Diário de Notícias receberam várias chamadas dessas testemunhas. Esperamos que quem viu contacte a APO informando mais características daquilo que viram.

O Diário de Notícias fez um longo trabalho sobre este acontecimento que reproduzimos. Realmente é estranho como é que um possível meteoro seja comprido.

http://dn.sapo.pt/2007/07/01/cidades/especie_ovni_avistado_ceus_alentejo.html

Especialistas inclinam-se para fenómeno natural Diziam que seria uma espécie de ovni – objecto voador não identificado -, mas os especialistas na matéria inclinam-se mais para um fenómeno natural. Foi na sexta-feira, pelas 20.00, que foi avistado algo brilhante a cair do céu, entre Azinheira dos Barros e Canal Caveira, perto de Grândola, no Alentejo. A GNR, os bombeiros da zona receberam dezenas de telefonemas.

António Barradas, morador em Azinheira dos Barros, contou ao DN que viu “uma coisa brilhante, mas foi muito rápido, uns dois segundos apenas”. A testemunha precisa que “parecia uma prata, ia a rodar e talvez a brilhar por causa do Sol. Vinha de oeste, do lado do mar, e caiu para este”, disse. Sobre o tamanho do objecto, refere que “teria entre um e dois metros e era um objecto comprido. Mas não deu para perceber se caiu perto ou longe.”

Fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro confirmou ao DN que “foram recebidas dezenas de chamadas na noite de sexta- -feira, a relatar o mesmo acontecimento.

As pessoas referiam um disco prateado com um anel em fogo”. Henrique Rodrigues, chefe dos Bombeiros de Grândola, adianta que “foi recebido um alerta pelo 117, o número nacional de incêndios, de alguém que ia a circular no IC1, perto de Canal Caveira, e viu algo a cair do céu”. O responsável diz que “mais tarde houve uma nova comunicação para a GNR local a relatar o mesmo fenómeno. Henrique Rodrigues refere que “foram dezenas as chamadas sobre este caso e todos os testemunhos são mais ou menos coincidentes”.

No entanto, ontem, em Azinheira dos Barros, eram poucos os que tinham ouvido falar do alegado ovni. Muitos populares daquela localidade não tinham visto nem ouvido falar do assunto.

… Luís Aparício, da Associação de Pesquisa Ovni, sublinham a existência nesta zona da “Luz da Caniceira”: “É um fenómeno muito visto. São umas luzes que têm comportamentos inteligentes. Nalguns casos ficam como que a observar, noutros há testemunhos de pessoas perseguidas por estas luzes”, diz. Luís Aparício conta que “muitos idosos chamam-lhes “avejões”, que é a mistura de ave com anjo”.

Luís Aparício
luz@oninetspeed.pt