Estrela rápida em Fernão Ferro

Viu aquela estrela, a brilhar muito intensamente, depois deixou de brilhar, depois voltou a brilhar, depois deixou de brilhar, e à terceira vez deslocou-se a uma velocidade enorme para a sua esquerda na direção nascente.

A sua casa está virada para sul na direção de Setúbal. Essa estrela estava posicionada a uma altitude muito elevada. Jorge Oliveira diz que teve a sensação de ser fotografado.
Essa estrela esteve visível durante três a quatro segundos, cada vez que brilhava e estava parada na vertical de Corroios. https://goo.gl/maps/LDUGunpi2ZT2

Para o Jorge Oliveira esta estrela que se moveu teria uma magnitude mais intensa duas vezes do que a estrela Sirius.

A deslocação da estrela para nascente deixou no Jorge Oliveira a sensação que se deslocava a uma velocidade imensa, com se fosse largos milhares de quilómetros à hora. Diz que já viu aviões a deslocar-se por cima de si, mas aquela estrela deslocava-se muitas vezes mais rápida do que os aviões mais rápidos que conhece.

Em julho de 2018, viu um objeto que se deslocava a uma altitude muito elevada deslocando-se de norte para sul, não deixava nenhum rasto tinha um brilho constante, a primeira sensação que teve foi que fosse um satélite a refletir o sol, visto que o sol estava já a poente.

Luís Aparício