Frota de OVNIS no Tejo nos anos 80 !

Há muito tempo atrás, no fim dos anos 70 ou princípio de 80, honestamente não me lembro com exactidão, eu e uns amigos costumávamos juntarmo-nos à noite num cais à beira Tejo em Alhandra simplesmente para conversar entre cigarros.

Posso apenas vagamente deduzir que talvez fosse fim-de-semana (para estarem tantos com actividades diferentes reunidos) e talvez primavera (tenho ideia duma noite amena mas não no verão).

As pessoas que estavam presentes eram várias, uns 6 amigos mas só me recordo de 3 que sempre me acompanharam desde o liceu, talvez na altura já andássemos na faculdade, facto que me impede até de recordar o ano do avistamento.

Numa noite de céu limpo e estrelado vimos uma luz vinda de leste a uma distância imensurável mas que podia perfeitamente ser um satélite não fora o facto de ser bastante intensa. A partir daqui começaram a somar-se algumas incongruências: não só se deslocava a uma velocidade vertiginosa como, mais ou menos por cima das nossas cabeças, virou subitamente para sul descrevendo essa “curva” um ângulo de 90 graus!!! A surpresa manteve-se porque outras luzes (que me recorde, à volta de uma dezena) se seguiram percorrendo exactamente o mesmo percurso.

Na altura, comentámos apaixonada mas também racionalmente o acontecimento sem conseguirmos uma explicação lógica para o caso. Ao longo dos anos fui mantendo contacto com três desses amigos que hoje são pessoas licenciadas e até bem colocados na vida; nenhum deles parece genuinamente lembrar-se desta história, não duvidando dela por mim, é certo, mas aparentemente sem hoje lhe dar muita importância.

O que se terá passado? Ao contrário deles, sempre fui entusiasta destes assuntos e não deixei o acontecimento ser apagado da minha memória? Tenho 44 anos, sou músico de profissão.

João Melo