Mapa de pólo lunar indica possível local de base

Mapa do pólo norte lunar montado a partir de imagens capturadas pela sonda Smart-1

O mapa mostra a geografia e a iluminação solar da região. O pólo norte lunar é um local que chama a atenção dos cientistas por sua exposição ao Sol, com áreas em que a luz é praticamente eterna. Além disso, tem um ambiente estável e está próximo das áreas onde pode existir água congelada.
O mapa composto pela Smart-1 cobre uma área de aproximadamente 800 por 600 km. A ESA destacou algumas crateras interessantes, como a Peary. Esse imenso buraco, provavelmente formado por um impacto, é bem próximo do pólo norte. Nessa latitude há pouca luz solar, mas há algumas áreas bem iluminadas durante o verão.
“A iluminação solar faz dessas áreas um local ideal para a instalação de robôs ou bases lunares que utilizem a energia solar”, disse Bernard Foing, um dos cientistas envolvidos com o projeto Smart-1. Outras crateras também estão sendo estudadas, como Hermite e Plaskett, ambas próximas do pólo norte.
Redação Terra

Fonte: Noticias – Terra

Mauro de Rezende