Meier e Santilli serão processados por Kal Korff

“Por mais de *32 ANOS*, consumidores e o público estão sendo enganados com relação à *fraude OVNI de Billy Meier*. É hora não só de *expor tais charlatães*, como *levá-los à justiça*”, disse Korff. Sobre Santilli, Korff também não economiza palavras:
“Ray Santilli alega ter uma ‘filmagem real’ da autópsia de um ‘extraterrestre’. Não só esta é *uma grande mentira*, como o próprio Santilli *fraudou seu próprio filme* de ‘Autópsia Alien’ que ele posteriormente vendeu a Robert Kiviat, produtor executivo [de um programa] veiculado pelo canal FOX e pelo mundo”.

“Em janeiro de 2007, veicularemos na TV e através da internet as primeiras audiências que marcarão o começo desta nova ação legal. Nosso *orçamento para processar tais fraudadores é de 25 milhões de dólares*. Os patrocinadores árabes, advogados, investigadores, funcionários de inteligência e oficiais da lei serão todos revelados em um novo programa de TV a ser anunciado na primeira semana de 2007. O novo programa irá exibir *tentativas reais de localizar terroristas, charlatães e outros criminosos*”.

Kal Korff pede que qualquer um que tenha sido lesado por estes charlatães, comprando vídeos ou fotografias vendidas como reais por exemplo, entre em contato: CriticalThinkers . Seja qual for o resultado desta nova e interessantíssima iniciativa, o fato é que há evidência esmagadora de que Santilli e Meier são mesmo charlatães.

Com Santilli, é tudo muito fácil já que ele mesmo admitiu como criou a falsa filmagem da Autópsia Alien exibida em 1995 ao mundo. Confira sua confissão na TV britânica , ou um trecho do filme de comédia produzido pelo mesmo.

Já com Meier, a situação é mais complicada uma vez que o mesmo nunca admitiu nenhuma de suas fraudes, apesar de fartas evidências. Quando uma fotografia de supostas extraterrestres que o visitavam foram descobertas como imagens de um programa de TV,

Meier explicou a situação: *Homens de Preto* teriam trocado as imagens originais pelas falsas no estúdio de revelação (!!!). Esta explicação pode parecer uma ofensa à inteligência — porque é — mas o cúmulo ainda estaria por vir.

Acima você vê uma das famosas fotos do contatado suíço, de uma suposta “sonda” extraterrestre batizada de “Bolo de Casamento”. Note no destaque um estranho apêndice na borda inferior do objeto. O que poderia ser?

A ex-esposa de Meier, Kalliope, alegou que todos os contatos de Meier eram fraudes e enganações, e em particular, que a suposta nave na fotografia acima teria sido feita com a tampa de um tambor de plástico usado para jogar lixo. Uma tampa de lixo.

Nada muito agradável aos defensores do suíço, como Jim Deardoff ao lado, exibido segurando uma tampa de plástico de uma das fazendas de Meier. Segundo ele, a tampa de plástico realmente se parece com partes da nave, mas também haveria muitas diferenças, como a série de detalhes acima e abaixo da tampa e a cor.

Como Philior nota no fabuloso artigo “The Billy Meier case: more conclusive “smoking gun” proof of deception”, Deardoff provavelmente nunca usou SuperBonder. Podemos adicionar que também nunca usou spray de tinta prateada. Mas não nos resumimos a isto. O melhor está justamente no detalhe apontado acima.

Note como a tampa possui uma alça. Uma comparação com a nave de Meier mostra uma combinação exata:

Impressionante, não? Agora, prepare-se. Você provavelmente já está sentado, mas se não estiver, sente-se. Qual a explicação de Meier para esta “coincidência”? Como sempre, ele diz que os Pleiadianos lhe disseram que:

Já na década de 1920 trabalhamos com dispostiviso voadores que você chamou de “Nave Bolo de Casamento” … Este tipo particular de dispositivo voador foi projetado especificamente para a Terra, e por isso nos dedicamos a *transmitir todos os dados necessários sobre a forma deste veículo aos cientistas terrestres na forma de impulsos telepáticos* para ajudá-los a desenvolver discos voadores na Terra. .. Você informou Florena que alguns de vocês notaram que esta forma de uma grande tampa de recipiente existe, *que de fato se parece exatamente com a borda inferior de nossos objetos voadores* e tem mais do que uma vaga semelhança das características estruturais. … Nós também notamos a similaridade impressionante e começamos a focar nossa atenção ao assundo. Investigamos com profundidade toda a sitação e *descobrimos que os projetos [da nave] foram usados para o desenho e produção destas tampas de recipiente*. … É assim, então, que a forma destas tampas de recipiente surgiram, que, como mencionei anteriormente, têm enorme semelhança com a borda inferior de nossos dispostivos voadores.
[Boletim no sítio oficial de Meier
]

Sim, é isso mesmo. Caso seja difícil de entender ou acreditar: Meier afirma que os extraterrestres enviaram telepaticamente aos criadores das tampas de lixo o projeto da parte inferior de suas naves espaciais. E é por isso que as tampas de lixo são idênticas à parte das naves alienígenas. É preciso dizer mais?

Há aqueles que ainda acreditam em Santilli ou Meier, bem como em Uri Geller ou Jucelino da Luz. Reconhecem que todos promoveram muitas fraudes, mas apesar de tudo, alguns elementos talvez sejam autênticos, pensam. Afinal, são tantos… tantos…

É exatamente com isto que tais charlatães contam. O famoso pôster de Fox Mulder, “Eu Quero Acreditar”, é infelizmente uma homenagem à exploração imoral da boa fé alheia.