Objectos verdes em Vilar Formoso

OBSERVAÇÃO DE OBJECTOS NOCTURNOS ESTACIONÁRIOS NA “RAIA”

HORA E DATA: cerca das 22 horas, Setembro de 2003
LOCALIZAÇÃO: Vilar Formoso, distrito da Guarda, Beira Alta (coordenadas:40.1N; 6.83W).
DADOS BIOGRÁFICOS DAS TESTEMUNHAS: Palmira Augusta Gomes, 61 anos, professora primária aposentada e Joaquim Martins Ferreira, GNR 71 anos de idade na reforma. Caso relatado por Abel Gomes Ferreira, filho das testemunhas, residente em Coimbra onde é professor na Universidade na Faculdade de Ciências e Tecnologia.

SUMÁRIO DA OBSERVAÇÃO: Foram avistados dois objectos de forma esférica de côr esverdeada sem brilho notável estando um deles estacionário e outro em movimento relativo de vai e vem. Não emitiam ruído.

DESCRIÇÃO DA OBSERVAÇÃO: Antes de passar à descrição quero dizer que eu não estive presente durante a observação. Foram os meus pais e vizinhos que residem em Vilar Formoso as testemunhas.

Vilar Formoso dista cerca de 15 km do local do vale do rio Côa onde fiz um avistamento (vd. Objecto em vôo no vale do Côa, APO). Vliar Formoso localiza-se próximo de Aldeia da Ponte (freguesia do Concelho do Sabugal) onde as irmãs Maria Elvira Gata e Ana de Jesus Simões avistaram um objecto a pairar perto da garagem em Setembro de 1995 (caso descrito na secção de avistamentos da APO).

Lembro-me muito bem. Estava em minha casa em Coimbra, eram cerca das 22 horas da noite de um dia em meados de Setembro. O telefone tocou e do outro lado a minha mãe que reside em Vilar Formoso, estava muito agitada, comovida. As palavras foram estas (podem não ser exactamente mas lembro-me de practicamnete tudo):
– Nem vais acreditar no que vejo. Isto já dura há mais de meia hora. São de certeza ovnis.
Sorri e pensei que era uma brincadeira porque os meus pais sabem quanto estes assuntos me interessam. Comecei a brincar com a situação mas a minha mãe…

– Não, não é a sério. Juro. Não sei o que é mas vejo dois objectos verdes. Um está parado e o outro anda de um lado para o outro, um bocado para a direita, pára e volta para junto do outro.Já estão assim há muito tempo.

Disse-me depois que o espectáculo já durava há mais de meia hora. Mandei chamar o meu pai que me confirmou tudo e deu-me mais pormenores. O meu pai era um céptico. Dizia-me ele que tinha feito milhares de horas de patrulhas (era da GNR) e nunca viu nada. Quando o meu pai falou comigo a conversa foi do tipo:

– Nunca vi nada assim. Olha, agora um está outra vez a andar.Anda para lá e para cá (silêncio). É sempre assim.
Perguntei-lhe pormenores característicos dos objectos:
– São redondos, verdes mas não são muito brilhantes. São verdes iluminados: Se calhar são grandes porque estendo a mão e são do tamanho dela e pareçe-me que não estão perto daqui.
Perguntei se os vizinhos tinham visto.
– Aqui ao lado viram mas estiveram um bocado e já foram para casa.

Os vizinhos dos meus pais são um casal ela enfermeira e o marido guada fiscal aposentado. Após algum tempo de reportagem telefónica desligámos. Gostava de estar lá para filmar ou fotografar o avistamento. Os meus pais não possuiam quaisquer aparelhos capazes de registo.Acredito que o caso foi sério. A minha mãe referiu-me que no princípio quando um dos objectos se movia sentia medo.

Mais tarde e durante várias vezes (ainda hoje) falo com os meus pais e com os vizinhos sobre o que viram. Mostram um grande entusiasmo sobre o assunto. O meu pai leva-me ao pátio da casa e faz-me sempre a mesma descrição, com emoção. (Envio uma fotografia do local de observação com a posição dos objectos para clarificar as coisas). DESCRIÇÃO DA ÁREA DE OBSERVAÇÃO: o local.

de observação situa-se no alto de uma encosta a cerca de 1 Km de Espanha e é uma zona residencial. Não sei se mais alguém avistou os objectos. Seria interessante saber. Terão sido vistos no país vizinho? A região é rica em minerais. Em Vilar Formoso nos anos 30 e 40 houve exploração de volfrâmio que era dirigida pelos engenheiros alemães.

Após um tratamento primário, simples nas minas, o minério seguia para a Alemanha em comboios para sustentar a máquina de guerra nazi. Não esquecer que ao tempo a Espanha de Franco era aliada do regime. O meu pai foi mineiro nessa altura. Nas proximidades de Aldeia da Ponte (local de avistamento de outro objecto) é explorado o estanho.

A riqueza mineral é variada para não falar na região da Guarda onde existem jazidas de urânio.
COMENTÁRIOS FINAIS:É admissível que esta observação se encontre ligada a outras ocorridas na região, possivelmente ao fenómeno ovni que parece localizar-se com características peculiares nas Beiras, mais precisamente no perímetro da serra da Gardunha ou melhor do sistema Gardunha/Estrela.

È de realçar a componente inteligente do avistamento aqui relatado- o vai e vem de um dos objectos controlado por alguém presente nos objectos (ou de algum tipo de controlo remoto). Embora o deslocamento aparente fosse curto já se os objectos estivessem distantes, como parecia aos observadores, o deslocamento real podia ser apreciável.