Sines outra vez em rota

Este objecto teria a forma tipo de um ovo sub comprido com uma luz amarela meio torrado, vermelho e um branco forte!
Este durante a sua trajectória muito lenta sentido Sul para Norte ia emitindo flashes com forte coloração branca.

Este objecto deveria estar a uma altitude de 4000 metros de altitude e a um ângulo de 60º.
Seriam mais de trinta pessoas a observar o fenômeno com uma forte admiração e especulação de que seria aquele estranho objecto a sobrevoar a cidade de Sines.
O mais curioso foi que uma das pessoas ao tirar duas fotos ao objecto com flashe este simplesmente desaparece numa fracção de segundo!

Não se sabe se pode ter sido derivado do flashe da maquina fotográfica ou por simples mero acaso!
No dia seguinte fui em busca de mais respostas por parte da população e curiosamente recebi detalhes muito importantes que não seria um mas sim dois objectos onde mais a Sul se fazia deslocar um outro objecto idêntico!
Um desaparece no momento em que é emitido um flashe enquanto que um outro mais a sul continuou a sua trajectória sentido Norte com as mesmas características do primeiro!

A essa hora já eram observados os muitos aviões que sobrevoavam a uma altitude muito elevada, mesmo assim julguei se tratar de um helicóptero que nos últimos dias andara a sobrevoar a cidade e a costa marítima de Sines.
Mas esta hipótese foi posta de parte devido ás possíveis dimensões do objecto que a um braço esticado com uma régua deveria ter uns dois centímetros e não emitia qualquer ruído!

O único ruído provocado foi no momento em que este desaparece em fracção de segundo com um som agudo inexplicável seguindo – se de um flashe muito elevado!
Neste dia 13 por volta da mesma hora seria observado o mesmo fenômeno com as mesmas características, cores e mesma rota, não sendo destacado um segundo objecto como no dia anterior.

Após recolher várias informações por parte das pessoas locais julgo que poderia existir mais que um destes fenómenos no dia 12, visto os relatos indicarem todos o mesmo sentido direccional mas em variadas posições que não batiam certo com o dos dois primeiros do respectivo dia 12!

Este relato está a ser entregue um pouco mais tarde derivado estar estes dias na tentativa de recolher mais informações no âmbito de poder detalhar com mais pormenores este avistamento!

Expliquei a algumas pessoas se não poderia ser um avião o que teriam observado, quando estas me responderam que sem duvida alguma, que poderia ser tudo menos um avião ou helicóptero derivado aos flashes emitidos e ao seu forte desaparecimento repentino!
Enquanto que algumas pessoas relatavam terem observado dois objectos uma outra parte alegou apenas ter observado um só objecto!
Também temos que colocar a hipótese de não terem a possibilidade de observar o segundo objecto derivado aos muitos prédios nesta cidade.

Também poderia ser um só objecto visto que variadas pessoas relatavam a observação de formas diferentes relativamente á sua posição, embora com a mesma trajectória.
Este objecto segundo algumas testemunhas e a minha esposa seria muito parecido com o observado em 2004 nesta mesma cidade.

Foi – me possível recolher duas fotografias mas infelizmente as imagens não são as melhores onde se pode observar em todas elas uma imagem escura não sendo possível observar qualquer fenômeno.
Mesmo depois de recolher os depoimentos por parte das pessoas passei alguns dias seguidos a observar o céu a partir das 17:00 na tentativa de também observar este fenômeno e poder efectuar um registo fotográfico.

Mas sem qualquer resultado aparente!
Dia 22 ás 02:30 durante uma das minhas patrulhas nas instalações da PSA Terminal XXI “terminal de contentores” de descarga de navios, observei um estranho fenômeno que parecia uma estrela mas a uma altitude muito baixa em relação a uma estrela!
Esta deveria estar a uns 05º a 10º, e a uma distância muito grande da costa possivelmente a mais de uns 10 km.

Esta não seria bem redonda mas sim meio ovalada como os relatos acima mencionados, em que esta teria uma predominância de uma cor de um azul muito claro parecendo emitir uma espécie de flashes não brancos mas sim azuis, também.
Esta sobre a minha posição estaria situada a Noroeste a 20º bem no meio do Oceano.
Estive a observar esta durante uns 10 a 15 minutos podendo observar que esta estaria com um movimento fixo mas cambaleando.

Passado um momento de distracção e julgando se tratar de uma simples estrela com o efeito das ondas de frio que alteram a visibilidade e formato das estrelas, e voltando a observar esta, simplesmente já não estava mais no mesmo sitio não a observando mais!
Não sei o que poderia ser mas qualquer das formas aqui fica mais este registo que de alguma forma não deixa de ser interessante.

Nuno Alves
APO – Sines