Nave de labaredas na Costa da Caparica

Maria Luísa Homenio, tem 86 anos, foi professora e hoje está reformada, vive na Costa da Caparica, mesmo em frente ao Parque de Campismo do Inatel e no dia 13 de junho de 2016, veio à janela e olhou para a zona do mar e pensou que estava a ver um balão de S. António que pairava sobre o pinhal, em frente do seu prédio e que se aproximava rapidamente. Teve receio que “o balão” caísse no pinhal e provocasse um incêndio.

Continuar a ler...